Afeto familiar, por Studio Muy

Para cumprir o desafio de entregar um apartamento que fosse prático, moderno e irradiasse energia de “casa de vó”, o escritório Studio Muy planejou desde um layout arquitetônico mais funcional até detalhes de movelaria exclusivos.

Foto: Fábio Severo

Confraternizar é, com certeza, a definição do lifestyle do casal que vive neste apartamento. Foi ele o principal aliado do Studio Muy na hora de desenvolver um projeto arquitetônico que fosse a cara da família. A proposta era que o imóvel de 77 metros quadrados, no centro de Balneário Camboriú, fosse o espaço perfeito para encontros familiares dos avós, filhos e netos. O resultado deu mais do que certo: se nos dias úteis, o apartamento cumpre a tarefa de ser funcional e sofisticado, nos finais de semana ele se transforma em um acolhedor refúgio preparado para receber a família inteira.

Foto: Fábio Severo

Considerado um dos grandes destaques do novo mobiliário, o canto alemão é um dos protagonistas da sala de jantar. Exclusivo, o móvel é integrado com a cristaleira e aproveita toda a área disponível do ambiente com inteligência. Além disso, abaixo do futon, ele ainda faz função de baú — ideal para guardar aqueles apetrechos importantes que não são tão utilizados no dia a dia e acabam ficando sem lugar no meio da casa.

Foto: Fábio Severo

Um dos grandes pedidos dos moradores foi uma janela interna que unisse a sala à cozinha. Atendendo a solicitação, as arquitetas Gabriela Motter e Natália Burlin conseguiram proporcionar um ambiente ideal para noites regadas a bons rótulos e tardes com risadas infantis e cheiro de comida de domingo. Destaque aqui para os puxadores no estilo vintage do aparador, os mesmos encontrados na cristaleira — conferindo continuidade e sintonia à movelaria.

Foto: Fábio Severo

Como fonte de inspiração, o Studio Muy se valeu da rotina do casal de sexagenários e aproveitou todos os pontos de iluminação e ventilação natural do apartamento, com sagacidade. “Apostamos nisso para criar um ambiente leve e acolhedor”, afirmou a dupla de arquitetas.

Foto: Fábio Severo

A área social é outro ponto-chave do apartamento. Estrategicamente localizada na sacada, a mesa de jantar com seis cadeiras compõe o cenário ideal para reuniões com gostinho de ar livre. Em consonância com o restante do imóvel, a paleta de cores do cômodo e mobília segue tons claros e terrosos.

“Como os clientes tiveram que abandonar o apartamento e se mudar para um espaço provisório, tivemos um grande desafio quanto ao prazo. Desde o projeto até a reforma foram quatro meses.” A proposta demandou um grande planejamento da equipe de arquitetura, obra e construção. No final, tudo ficou conforme planejado. Para o quarto do casal, o revestimento de tijoleta neutro e a paleta branca e amadeirada transformaram o quarto principal em um ambiente pacífico e confortável.

As criações e edições realizadas pela Supernova Editora
se enquadram na Lei nº 9.610/98 (Lei sobre direitos autorais),
portanto, possuem proteção contra plágios e cópias.
Assim é vedado ao terceiro a reprodução de obra sem prévia autorização,
sendo que a sua utilização sem a concessão enseja reparação civil.